Crônica Do Dia 110319

http://aquarelafm.com.br/radio/download/2019/03/Cronica-110319a.mp3

Penha sedia amanhã e sábado o “Desafio das Américas”, com partida de beach soccer entre Brasil e Uruguai e futevôlei entre Brasil e Argentina

08.03 – Será um momento inesquecível na história de Penha. Pela primeira vez, a cidade receberá um jogo da seleção brasileira de beach soccer, que irá encarar a seleção do Uruguai em duas partidas neste final de semana, dias 9 e 10 de março.

Os jogos fazem parte do “Arena Sports Festival”, um evento que reúne duas competições: O “Desafio das Américas”, com partida de beach soccer entre Brasil e Uruguai e futevôlei entre Brasil e Argentina, e o Campeonato Catarinense de Vôlei de Praia.

Para receber o Festival, uma Arena será montada no parque de eventos do município, onde é realizada todos os anos a Festa Nacional do Marisco, no terreno ao lado da Foz do Rio Irirí, na Avenida Nereu Ramos, no centro.

A programação começa no sábado, dia 09, com jogos do Campeonato Catarinense de Vôlei de Praia a partir das 8h da manhã, onde duplas de todo estado participam da competição máxima das praias catarinenses. Penha também estará presente tanto na categoria masculino quanto feminino.

Já o primeiro jogo de beach soccer entre Brasil e Uruguai será às 14h. As 16h acontece o desafio de futevôlei entre Brasil e Argentina, com a dupla Romário e Anderson Águia defendendo nossas cores. O dia se encerra com show da banda Fishmonger às 17h.

O segundo jogo do Brasil contra o Uruguai será na manhã de domingo, dia 10, a partir das 11h. Além dos craques Jorginho, Falcão, Bruno Xavier e o goleiro Mão, o Brasil ainda será reforçado com Romário também nessa partida.

As partidas do vôlei de praia começam às 8h, dão uma parada pro jogo da seleção, e retornam as 13h, onde seguem até o fim da tarde, onde o evento será encerrado com show de pagode da banda Swing da Gente, a partir das 16h30.

Os ingressos se encontram a venda nas lojas Anjo Dourado e Moda H Container, em Penha; também podem ser adquiridos pela internet, através do link: minhaentrada.com.br/evento/

O valor é de 30 reais, havendo a opção de comprar o ingresso solidário, no valor de 15 reais com a adição de um quilo de alimento não perecível. Os donativos arrecadados serão doados para famílias carentes sobre orientação da secretaria de assistência social do município.

O evento é uma parceria da prefeitura de Penha com a Major League Beach Soccer, Confederação de Beach Soccer do Brasil e Federação Catarinense de Voleibol.

Fonte: Assessoria de Imprensa PMP

 

Bebê nasce dentro de veículo no Posto Operacional da PRF em Joinville

08.03 – Policiais rodoviários federais auxiliaram uma mulher a dar à luz a uma menina na tarde de ontem, em frente ao Posto Operacional da PRF em Joinville.

Moradora da cidade de Garuva, Andriele Aparecida Pires de Moraes seguia para Joinville em um veículo de aplicativo de transporte. Ao perceber que não daria tempo de chegar à maternidade, pediu para o motorista parar em frente à Unidade Operacional da PRF em Joinville para pedir ajuda.

No interior do veículo, os agentes encontraram a mãe já com o bebê recém-nascido no colo. Eles verificaram os sinais vitais da criança, estabilizaram a situação e requisitaram a presença de uma equipe de socorro da concessionária da rodovia, que deu continuidade aos procedimentos e as levou para a maternidade Darcy Vargas. A mãe, de 24 anos, e sua filha já “batizada” de Maria Eduarda, passam bem.

Foto e fonte: PRF

Penha: Acusado de matar indígena a pauladas em janeiro de 2018 vai a júri popular

08.03 – A Justiça determinou que o acusado de matar o professor indígena Marcondes Namblá, de 38 anos, em Penha, vá a júri popular no dia 25 de junho. Gilmar César de Lima foi preso 13 dias após o crime, em 2018, e segue detido no Presídio de Blumenau.

A decisão judicial é de 25 de fevereiro. A sessão está marcada para as 9h, em Balneário Piçarras. Lima confessou o assassinato e será julgado por homicídio qualificado, por motivo fútil e sem chance de defesa da vítima.

A primeira audiência do processo ocorreu em abril de 2018. Em maio do mesmo ano, a Justiça determinou que o homem passasse por exame de saúde mental e o processo chegou a ser suspenso. No entanto, os peritos concluíram que ele era mentalmente são e os procedimentos foram retomados. O advogado do réu, Jeremias Felsky, informou que apenas aguarda o julgamento e que estudará a parte defensiva nos dias que antecedem o júri.

Marcondes foi espancado durante a madrugada de Ano Novo, enquanto caminhava pela avenida Eugênio Krause, em Penha. Uma câmera de segurança registrou o momento em que ele é atacado. Depois de levar o primeiro golpe na cabeça, o indígena caiu e continuou sendo agredido.

Conforme a denúncia, Lima deu aproximadamente 20 pauladas na vítima, que foi encontrada horas depois e chegou a ser internada, mas morreu no dia 2 de janeiro.

Marcondes Namblá era do povo Laklãnõ-Xokleng, da Terra Indígena Laklãnõ, da aldeia que fica em José Boiteux, no Vale do Itajaí. Era casado e tinha cinco filhos. O educador era formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e exercia o cargo de juiz na TI.

A vítima falava a língua Laklãnõ e dava aulas numa escola indígena de José Boiteux. Na UFSC, ele fez parte da primeira turma do curso de Licenciatura Intercultural Indígena e se formou em abril de 2015.

Fonte: G1

Foto: Reprodução

 

Aroma E Sabor dia 080319

http://aquarelafm.com.br/radio/download/2019/03/AROMA_E_SABOR_SEXTAa.mp3

Crônica do dia 070319

http://aquarelafm.com.br/radio/download/2019/03/Cronica-070319a.mp3

Crônica do dia 060319

http://aquarelafm.com.br/radio/download/2019/03/Cronica-060319a.mp3

Crônica Do Dia 010319

http://aquarelafm.com.br/radio/download/2019/03/Cronica-010319a.mp3

Crônica do dia 280219

http://aquarelafm.com.br/radio/download/2019/03/Cronica-280219a.mp3

Crônica do dia 270219

http://aquarelafm.com.br/radio/download/2019/03/Cronica-270219b.mp3